sábado, 20 de outubro de 2012

Desculpem :c

Olá minhas queridas, então é assim, eu ando cheia de trabalhos e isto está a ser de loucos, mas aos poucos vou escrevendo o 7º Capítulo, que vai ser enorme, mas quero pedir-vos desculpa por estar a demorar imenso tempo :c

Espero que não deixem de gostar do blog, e se precisarem de alguma coisa, falem comigo, ando sempre por aqui.

Beijinhos

domingo, 14 de outubro de 2012

6º Capítulo

Oii meninas lindas, desculpem postar a esta hora, mas só agora consegui acabar, estou um bocado doente, mas pronto, não acho que esteja propriamente perfeito, mas espero que gostem, e comentem muito sim?

Beijinhos



- Claro que quero, mas tens a certeza do que estás a dizer? não quis pressionar-te nem nada disso, apenas gostava de te conhecer melhor e,..

- Cala-te, eu quero muito conhecer-te, e tenho mesmo a certeza do que te estou a dizer, e obviamente não me estás a pressionar, eu é que comecei logo a por entraves sem razão, fui estúpida. - interrompe Inês, mostrando-se realmente interessada no rapaz que estava à sua frente.

- Uau, não estava à espera dessa resposta, mas ainda bem que queres, pelo menos, tentar conhecer-me, prometo que não te vais desiludir. - afirma Matic radiante com a atitude de Inês.

***

De: Joana
Para: Javi

'Olá, não te esqueces-te do nosso jantar pois não? :b Que te parece ir-mos a um na zona da expo? Depois liga-me para combinar-mos horas. Beijinhos, Joana.'

De: Javi
Para: Joana

'Olá, claro que não em esqueci. Até me parece bem, mas como está um bocado frio, que te parece comer-mos na minha casa? Vou buscar-te, tens é de me dizer onde moras. Beijinhos.'

De: Joana
Para: Javi

'O menino anda demasiado atrevido, mas sim, posso ir e vou no meu carro, não é preciso vires-me buscar, manda-me a morada que vou lá ter às 19h30.'

De: Javi
Para: Joana

'Tu gostas assim. Está bem então. Beijinhos e já te ligo para te dizer a morada.'

***

Entretanto Andreia liga a Fábio.

Chamada

Fábio - Olá princesa, está tudo bem? Tínhamos combinado para daqui a nada amor, porque me estás a ligar?

Andreia - Olá amor, comigo está tudo bem, com os canos é que não. Acreditas que rebentaram canos e cortaram a água em todas as casas da zona? Eu tenho de tomar banho para estar bem para ti.

Fábio - Óh amor, tu para mim estás sempre bem, mas queres vir tomar banho aqui e depois vamos amor?

Andreia - Tu és um querido, mas se não te importares, posso ir mesmo aí ter amor?

Fábio - Sim amor, anda lá. Beijos, amo-te princesa.

Andreia - Obrigada amor. Beijos, também te amo príncipe.

Fim da chamada

Num instante bateram à porta e Fábio quando vê a sua amada do outro lado apressa-se a puxá-la, para dentro.

- Ai amor, porquê tanta pressa? - pergunta Andreia.

- Porque estou com um desejo enorme de te tornar mais uma vez minha. - afirma Fábio corando.

Nisto, Andreia agarra-se ao pescoço de Fábio, salta para o seu colo e começa a beijá-lo intensamente.
Fábio leva Andreia para o seu quarto e numa troca intensa de beijos apaixonados acabam mesmo por fazer mais uma vez amor. Amavam-se e desejavam-se mais a cada dia que passava.

***

De: Rodrigo
Para: Mariana

'Olá, bem, eu gostava imenso de te conhecer melhor, adorei a nossa pequena conversa no parque de estacionamento, por isso, logo queres ir beber alguma coisa? Beijinhos, Rodrigo.'

De: Mariana
Para: Rodrigo

'Olá, eu também quero conhecer-te melhor, pareces bastante querido, e também gostei da conversa, mas foi curta :c Parece-me bem, algum sitio em mente? Beijinhos.'

De: Rodrigo
Para: Mariana

'Ainda bem que assim achas : ) E que tal ir-mos a uma esplanada ao pé da casa do Fábio, como à noite é um bar podíamos lá ir, não tem quase ninguém e é super agradável.'

De: Mariana
Para: Rodrigo

'Adoro a ideia, vamos a isso, vou lá ter às 21h00.'

De: Rodrigo
Para: Mariana

'És mesmo tonta, e como vais? Nem sabes onde é. Fazemos assim, encontramo-nos no Colombo, e vou-te buscar lá.'

De: Mariana
Para: Rodrigo

'Tens razão, esqueci-me desse pormenor :$ Combinadíssimo. Beijinhos.

De: Rodrigo
Para: Mariana

'Beijos, até logo.'

***

Chamada

Diana - Olá Rú, tudo bem?

Rúben - Oi Di, sim e contigo?

Diana - Também, olha não queres ir sair ou assim?

Rúben - Não me leves a mal, mas não me apetece nada sair, mas quero imenso estar contigo, não queres vir a minha casa?

Diana - Claro que não levo a mal, e sim gostava muito, mas não sei onde moras.

Rúben - Diz-me onde tu moras e vou-te buscar, manda mensagem a dizer a morada para eu por no GPS e vou já. Jantas comigo e tudo pode ser?

Diana - Claro que sim, até já então Rú. Beijinhos.

Rúben - Beijinhos.

Fim da chamada

Poucos minutos depois Rúben encontrava-se à porta de casa de Diana, esta desceu, entrou no carro do craque do Benfica e cumprimentaram-se com dois beijinhos na bochecha, fazendo Diana estremecer por dentro, pois o toque de Rúben a fazia sentir assim, nervosa.

***

- Daniela? O que estás aqui a fazer? - pergunta David ao abrir a sua porta de casa e ver Daniela.

- Ai credo, que susto David, moras aqui? - pergunta Daniela ao vê-lo à porta.

- Sim moro, mas não pensei encontrar-te assim por aqui, quer dizer, logo aqui. - diz David ainda espantado pois estava precisamente a pensar em Daniela no momento em que abre a porta.

- Eu costumo vir sempre passear por estes lados com os meus phones, para me abstrair um bocado e libertar-me do stress da rotina. - afirma Daniela.

- Fazes muito bem, eu vou só por o lixo ali mais à frente - aponta David - e venho já, vai entrando. - Disse, pondo Daniela à vontade.

- Eu espero aqui por ti. - diz Daniela corada.

- Já aqui estou, entra, está à vontade. - disse David.

- Não queres ir sair mais logo? - pergunta Daniela receosa.

- Claro que sim, podemos ir jantar a qualquer lado. - sugere David.

- Mas um sitio barato porque não posso gastar muito dinheiro. - Disse Daniela.

- Dani, não te preocupes, eu sugeri o jantar, eu pago, sabes que não há problema nenhum, . Conforta-a David.

- Eu sei que não há problema para ti, mas só te conheço à dois dias, nem penses que vou ser dependente de ti, eu apenas não quero gastar porque quero eu pagar a faculdade percebes? não quero  que os meus pais se preocupem som isso.

- Isso é muito querido da tua parte Dani, deixas-me orgulhoso sabias? - disse David com os olhos a brilhar ao olhar para a Daniela.

- Obrigada, mas só acho que tenho mesmo de ser eu a suportar os meus custos. Mas vá, só hoje, paga-me lá o jantar, mas amanhã devo-te,... um almoço? - pergunta Daniela.

- Hum, pequeno-almoço e almoço pode ser? Vem ter a minha casa de manhã e depois vens ver o meu treino ao caixa e logo a seguir vamos almoçar. - diz David.

- Pequeno-almoço contigo, treino no caixa e almoço contigo, que dia perfeito. - suspirou Daniela.

- Espero bem que seja perfeito. - diz David baixinho.

- Então e onde me queres levar a jantar? - pergunta Daniela ansiosa.

- eu tive a pensar numa coisa, queres ir comer fora mesmo fora, ou no meu jardim e eu faço-te a minha especialidade? - diz David aproximando-se de Daniela.

- Uau, tens uma especialidade menino David? Quero provar, sim porque os cozinhados do Chefe David Luiz são melhores que quaisquer outros, de certeza absoluta.

- Então põe-te à vontade, eu vou tratar do nosso jantar, é rapidinho, não fiques já com saudades Dani. - brinca David.

- Vá despacha-te eu não tarda morro de fome e claro, de saudades também meu fofinho. - diz Daniela sem se importar com o 'meu fofinho', pois ela sente-se bem com ele, por isso, nada a vai impedir de fazer o que tem a fazer, se tiver coragem, no fim deste jantar.

***

Sara estava no seu jardim a tocar guitarra e a cantar quando ouve tocarem à campainha, quando abre a porta, depara-se com Nelson, na sua frente, o que a deixou sem reacção.

- Sara, eu só te quero dizer que no dia do treino estava com imensa pressa e sei que não te dei a devida atenção, visto que nem te falei, e só te quero pedir desculpa por isso.

- Mas eu não estava chateada se é isso que pensas, eu percebo-te, a sério, mas como soubeste onde vivo? - pergunta Sara ainda confusa.

- Ainda bem, estava mesmo preocupado. Ah isso, foi o Fábio que me disse, pedi-lhe que perguntasse à Andreia, sei que secalhar não devia tê-lo feito mas não queria que tivesses chateada ou assim.

- Eu fiquei a pensar no porquê de não me teres falado, é verdade, mas nunca fiquei chateada. - Esclarece Sara.

Num impulso Nelson abraça Sara e dá-lhe um beijo na bochecha perto do lábio, o que deixa Sara sem respiração.

- Vem comigo. - nisto Nelson puxa Sara e entram os dois no carro dele.

***

Catarina estava numa esplanada a beber um sumo de laranja, o seu preferido, quando sem querer um rapaz que estava a correr, bate contra a cadeira dela, quando ele se prepara  para pedir desculpa, ela olha para ele e percebe imediatamente de quem se trata.

- Não tem mal Nolito, não te preocupes, está tudo bem. - tranquilizava-o Catarina.

- Ai desculpa, a sério, estava mesmo distraído. - tentava ainda desculpar-se Nolito.

- Ei, tem calma, é mesmo na boa. Queres juntar-te a mim? - convida Catarina.

- Claro que sim, e quero um de laranja também. Vou só à casa de banho.

- Eu vou pedir um para ti, vai lá descansado.

- Obrigado. - disse dando um beijinho na cara de Catarina.

Passado pouco tempo.

- Voltei, e obrigado mais uma vez. Conta-me coisas sobre ti. - Agradeceu e pediu Nolito.

- Então, sou a Catarina, mas isso já sabes, tenho 20 anos, e estou a tirar o curso de economia no ISCTE, sou da turma da Sara, da Daniela e da Mariana. Adoro praia, por isso sou louca pelo verão, amo o meu Benfica, às vezes fico corada com pouco, e adoro gelados, e claro gosto imenso do núemro 9 do Benfica. - diz Catarina piscando o olho a Nolito.

- Sabes, também adoro o verão, amo o Benfica e por acaso o número 9 tem imenso geito - brinca com Catarina - e também gosto imenso da maior adepta do Benfica, que obviamente eu considero que sejas tu.

- Que piadinha menino Nolito, e tão convencido, meu deus.

- Achas mesmo? - amua Nolito na brincadeira.

- Não, estava a brincar ó feio lindo.

- Aqui o feio lindo pode dar-te um beijo? É que não tens a noção do quanto me apetece fazê-lo. - Pergunta Nolito.

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

5º Capítulo

Oi fofinhas, então é assim, aqui vai o prometido capítulo, desculpem mesmo a demora, e acreditem, mesmo assim vou posta-lo sem achar que esteja perfeito (que é o que vocês merecem) :c mas enfim, se gostarem ou não, comentem, já sabem que aceito todo o tipo de comentários, obviamente são vocês que me ajudam a ter uma percepção daquilo que faço. E já chega de blá blá blá, espero que gostem e comentem muito sim?

Beijinhos


Rúben e David entraram em casa de Fábio e este e os restantes colegas começaram o interrogatório que os dois craques já esperavam.

- Então? 1 hora para ir buscar pipocas aqui tão perto ó amélias? - começa Fábio no gozo com os rapazes.

- Calma, eu disse-te ao telemóvel que eu e o David tivemos uma espécie de percalço bom, e acredita que foi mesmo bom! - responde Rúben com tom apaixonado, pois desde que viu Diana não pensa noutra coisa.

- Expliquem lá esse percalço bom então. - diz Andreia em mais tom de gozo que o seu namorado.

- Cês nem imaginam caras, fomos buscar as pipocas na parte do cinema e sem querer esbarrámos contra duas meninas lindas, que ainda por cima são benfiquistas, e por quem o Rúben ficou apanhado chama-se Diana. - goza David.

- Olha a piada - afirma Rúben - e por quem o David ficou, é a Daniela.

Sara e Andreia trocaram olhares, mas não podiam ser as suas amigas, existem milhões de raparigas com o mesmo nome, não eram elas de certeza.

- Mas elas tavam com mais duas meninas, que eram a Joana e a Inês. - disse o David.

Andreia que entretanto começou a comer pipocas, quando ouviu isto engasgou-se, o que fez com que o Fábio começasse logo a perguntar-lhe se estava bem.

- Sim, estou bem amor. David, eu e a Sara conhecemo-las.

- Ai sim? e não as trouxeram com vocês porquê? - perguntou prontamente Rúben.

- Porque a casa é do Fábio e eu disse que trazia a Sara porque é a minha melhor amiga e ela obviamente sabe tudo de mim e do Fábio, parvalhão! - respondeu Andreia.

- Cês então levem as meninas amanhã ao treino assim podemos todos conhecer-nos melhor. - propõe David. 

- Sim, claro. - diz Andreia um pouco em baixo.

- Ei, não fiques assim Deia linda, elas são nossas amigas, são leais, eu acredito que sim, confia nelas, eu também confio, elas não vão andar sempre em cima de ti por seres namorada de quem és. São umas queridas, vá lá, vamos confiar. - diz Sara.

Andreia acena afirmamente com a cabeça e agradece mais uma vez pela paciência que Sara tem com ela.

- Tu estás apanhada pelo Nelson ou assim Sara? - pergunta Andreia descaradamente.

- Ai que coisa, não estou apanhada, mas sim acho-o lindo de morrer e super interessante. - afirma Sara corando.

- Nota-se sabes? - pergunta Andreia.

- Sim, sei. - responde prontamente Sara, sem pensar realmente no que disse.

***

Depois do cinema e jantar em casa do Fábio, cada um segue o seu caminho mas não sem antes Sara ficar com o número de Nelson e Rúben e David, chatearem-nas mais uma vez para irem todas ver o treino no dia seguinte.

***

Sara liga para Daniela, conta-lhe tudo e esta descansa-a dizendo que Andreia não tem que ter problemas nenhuns e Sara pede-lhe para falar com Joana, Inês e Diana para irem ver o treino à Luz, e Daniela diz-lhe que sendo assim iria levar outras duas meninas do curso que tanto Daniela como Sara frequentavam para se conhecerem todas, pois elas são umas queridas e Sara concorda e combinam encontrar-se à porta do estádio.

No dia seguinte como combinado encontram-se à porta do estádio e Daniela, Diana, Joana e Inês descansam Andreia dizendo que é normal ela ter receio mas obviamente o Fábio ama-a de verdade e que elas não são falsas, nunca seriam capazes de a usar de tal forma.

- Meninas, estas são a Catarina e a Mariana. São do nosso curso de economia Sara, e claro são benfiquistas de alma e coração. - apresentou Daniela.

- Olá. - disseram Sara, Andreia, Inês, Joana e Diana.

Assim que Daniela as apresentou apressaram-se a cumprimentar com beijinhos e entraram para a maravilhosa Catedral.

***

- Cês acham que as meninas vêm ver nosso treino? - pergunta David nervoso.

- Claro que sim David, pedis-te à Andreia e à Sara mil vezes, por isso de certeza que já estão nas bancadas. - respondeu Nelson.

- Cês têm de ver a Daniela, ela é linda. - disse apaixonadamente David que a tinha conhecido no dia anterior mas já se sentia completamente arrebatado.

- Vocês têm é de ver a Diana. - afirma Rúben.

- E vocês que não começassem. - diz Javi.

Quando entraram para o relvado da Luz, David e Rúben percorreram as bancadas com o olhar à espera de encontrar as duas meninas.

- Ali estão elas. - apontou Fábio assim que os seu olhos caíram na sua namorada.

David e Rúben acenaram e Diana e Daniela corresponderam fazendo com que os meninos ficassem com o maior sorriso do mundo.

Matic, Fábio, Rodrigo e Nolito, que entretanto estavam na conversa, olharam para as bancadas de soslaio para ver as meninas e Matic petrificou ao ver aquela rapariga que estava a sorrir, com cabelos castanhos claros e olhos verdes, ela era verdadeiramente bonita. E Rodrigo apressa-se a perguntar a Fábio quem era a rapariga que estava animadamente a falar com Andreia.

- Ei meu, quem é aquela rapariga que está a falar com a tua namorada?

- Não faço ideia, mas depois já ficas a saber. - responde Fábio.

No fim do treino as meninas já esperavam pelos rapazes no parque de estacionamento enquanto Andreia falava com Mariana e esta não parava de dizer o quanto o Rodrigo era lindo e jogava super bem, e Andreia só conseguia rir.

- Estás a rir-te do quê? - pergunta Sara que entretanto chegara ao pé das duas.

- A Mariana desde que viu o Rodrigo aqui bem perto ficou apanhada. - afirmou Andreia, sem mais uma vez conter o riso.

- Óh, acho-o super giro e joga tão bem. - suspira Mariana.

- Deixa lá Mary, ela é que se esquece quando estava eu no lugar dela e era ela quem não se calava com o Fábio. - disse Sara.

- Olha que piada menina Sara, mas a minha situação é pior, já que uma suspira pelo Rodrigo e outra pelo Nelson, ai ai. - goza Andreia.

- Que piada Deia. Vá namora lá com o teu Fábio que aqui eu e a Mary vamos ter com as outras. - responde Sara.

Entretanto chegam Fábio, que se agarra logo à sua Andreia, Matic, Rodrigo, Nolito, Javi, Nelson, David e Rúben.

- Olá Rúben, tudo bem? - pergunta Diana ficando vermelha.

- Oi, sim e contigo? Ainda bem que vieste ao treino, gostas-te de me,... nos ver? - pergunta Rúben nervoso.

- Está muito melhor agora. E sim gostei muito de te ver Rú. - diz Diana sorrindo timidamente.

***

- Olá Daniela. - diz David.

- Olá David, adorei ver-te, e adorei o golo que marcas-te no jogo que fizeram. - responde Daniela.

- Sério? Então foi dedicado a ti. - afirma David nervoso e mais que vermelho.

- Não precisas de estar tão vermelho David, obrigada pelo golo então. - diz Daniela.

- Queres,... - dizem ao mesmo tempo.

- Diz tu Dani. - diz David.

- Não diz tu, a sério. - insiste Daniela que neste momento estava com um sorriso parvo na cara pela alcunha que David lhe tinha dado.

- Queres ir sair comigo, tipo jantar ou assim Dani? - pergunta David receoso.

- Óh, claro David, só não posso ir muito tarde para casa porque amanhã tenho faculdade às 10h00.

- Claro, tudo bem, mas vamos na mesma, quero conhecer-te. - afirma David.

- Ainda bem que estamos os dois de acordo, também te quero conhecer muito melhor. - responde Daniela corada.

***

- Pessoal, estas são a Catarina, a Mariana, a Joana, a Inês, a Daniela e a Diana. - apresenta Andreia.

- Olá. - dizem os craques do Benfica.

- Olá. - respondem as meninas.

Todos se cumprimentam com beijinhos e quando Matic sente Inês aproximar-se sente-se nervoso sem perceber porquê, visto que era a primeira vez que se viam, mas os olhares deles encontraram-se de uma maneira que nem ele nem Inês poderiam explicar.

- És a Inês, certo? - pergunta Matic receando ter errado.

- Sim, sou. - responde Inês completamente estática.

- Desculpa isto ser assim tão de repente, mas queres sair comigo hoje ou amanhã? - pergunta Matic nervoso.

- Hum, não sei se posso, amanhã tenho aulas cedo e...

- Não podes, eu percebo, deixa lá, vemo-nos por aí, se for possivel. - Atirou Matic, não deixando Inês acabar.

***

- Oi, eu sou o Javi, tudo bem? 

- Olá, pois, eu sei bem quem tu és. - suspira Joana.

- Esse suspiro foi porquê? - pergunta Javi nervoso.

- Porque te admiro como jogador, não fiques já convencido. - reclama Joana.

- Ei, tem calma, só fiz uma pergunta inocente. - defende-se Javi.

- Eu estou a brincar, tem calma, mas verdade seja dita, vocês, jogadores, têm o seu lado de muito convencido. - responde Joana.

- Se me conheceres verás que de convencido não tenho nada. - diz Javi.

- Vamos a isso então. Jantar logo à noite? Dá-me o teu número que depois digo-te a hora. - terminou Joana.

***

- Nem sabes o quanto gosto de te ver jogar. - diz Catarina referindo-se a Nolito.

- Obrigada, é bom saber que reconhecem o meu trabalho. - agradece Nolito.

- Não tens de agradecer. - diz Catarina.

- Gostas-te do treino? - pergunta Nolito tentando fazer conversa.

- Amei, o Benfica é sempre o Benfica. - suspira Catarina.

- Gostas assim tanto? - pergunta Nolito.

- Não, amo. - respondeu Catarina.

Nolito adorou Catarina, e queria imenso conhecê-la melhor, mas a falta de coragem falou mais alto.

- Se quiseres amanhã aparece no caixa, vamos treinar lá amanhã. - diz Nolito.

- Vou tentar. - responde Catarina.

***

- És nova cá? pareces não conhecer aqui a zona do estádio e do colombo. - diz Rodrigo tantando falar com a rapariga que o deixou de queixo caído.

- Não sou de cá, só vim para aqui morar no inicio das férias de verão, mas estou a adorar, e o estádio é lindo, e obviamente amo o Benfica e claro que já vi o estádio na net, na TV, mas ao vivo é bem mais espectacular. - responde Mariana 'babada' com Rodrigo.

- Uma benfiquista como eu, com um passado fora daqui, e muito simpática, quero combinar alguma coisa. - atira Rodrigo pensando que talvez tivesse abusado.

- Que querido, e sim parece-me bem, fica com o meu número e quando puderes diz qualquer coisa. - responde Mariana corada, o que deixa Rodrigo também corado.

***

- Matic - chamou Inês cansada de ter tido de correr para ver se ainda o apanhava - eu quero muito sair contigo, diz-me alguma coisa para amanhã, prometo que não falho, ainda queres? - suplica Inês depois de Joana ter visto a cara com que Matic ficou e ter insistido com a prima que entre aqueles dois saltavam faíscas.



Ok, isto está grande, espero que não se tenham cansado de o ler !

Beijinhos, outravez, que para vocês nunca são demais



 

domingo, 7 de outubro de 2012

Preciso de vos dizer uma coisinha meninas lindas $:

Oii lindas, então é assim, já é tarde e eu estou mesmo mesmo quase a acabar de escrever o capítulo (está big) , mas só posto amanhã, é que tenho de me levantar às 7h00 e também, maior parte de vocês de certeza que só amanhã é que vem por isso, amanha já têm aqui o 5º capítulo que espero estar ao alcance das vossas expectativas.
E desculpem ter dito sexta que postava mas estava mesmo convencida que assim seria, por isso peço desculpa.

Beijinhos 

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Divulgações, sim porque elas merecem :$

Oii, então é assim, eu AMO tudo o que estas meninas escrevem e decidi postar aqui para caso ainda não as tenham descoberto. Leiam, riam, chorem e deliciem-se como aconteceu comigo $:

Beijinhos


Blogs lindos:

http://podesmorrermasomeuamorportinaomorrera.blogspot.pt/

http://lovethewayyoudrawlife.blogspot.pt/

http://guardarparasempre-msunset.blogspot.pt/

http://speedofloveslb.blogspot.pt/

http://caminhodossonhosedoamor.blogspot.pt/

http://ajanela123.blogspot.pt/

http://eramumasmerasferias.blogspot.pt/

http://naotesquecasdemim.blogspot.pt/

http://adistancianaoimpedequeeuteame.blogspot.pt/

http://givemelove06.blogspot.pt/

http://quandoumnadasetransformaemtudo.blogspot.pt/


Nota: Mais logo vou postar o 5º capítulo, vai ser enorme como prometi da ultima vez :$